Medidas extraordinárias de Apoio Social vão reforçar cuidados com idosos do concelho

Perante a situação atual da Covid-19, a Câmara Municipal está a criar uma rede de apoio aos idosos carenciados para assegurar o fornecimento de serviços básicos.

Face à situação excecional que atravessamos, provocada pelo surto do Coronavírus, a Câmara Municipal de Guimarães, através da Divisão de Ação Social, terá disponível uma estrutura de apoio social, especificamente criada para dar resposta às necessidades dos mais carenciados do concelho de Guimarães. A finalidade desta rede, que será constituída por técnicos do município, Empresas Municipais e Cooperativas, Juntas de Freguesia, Instituições Particulares de Solidariedade Social, e diversas entidades parceiras, como PSP, GNR, Bombeiros Voluntários, Cruz Vermelha, entre outras, é a de  apoiar idosos e pessoas com deficiência, sem retaguarda familiar, no fornecimento de alimentos e medicação, garantindo, dessa forma, o seu distanciamento social como medida de prevenção.

A coordenação da Câmara Municipal de Guimarães ao nível da rede permitirá o mapeamento dos idosos e pessoas com deficiência que inspirem maiores cuidados por via da sua situação de vulnerabilidade, a organização e estruturação das equipas de intervenção no terreno e sua operacionalização. Além da distribuição de alimentos e da disponibilização de medicamentos, a Rede de Apoio Social de Emergência assegurará a tomada de medidas de contingência deste grupo de risco, bem como apoio psicológico quando este se mostrar necessário.

De entre as diversas medidas a tomar, que serão comunicadas em tempo oportuno, a Câmara Municipal de Guimarães disponibiliza, de imediato, uma linha de apoio telefónico dedicado, destinada ao atendimento de situações urgentes que se enquadrem no quadro de apoio definido, e que poderá se utilizada pelos cidadãos. Os números telefónicos da linha de apoio são: 253421255 / 969264803 / 969264761.

Esta medida enquadra-se no conjunto de decisões tomadas pelo Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, cujo objetivo é o de minimizar o impacto causado pelo surto de Coronavírus, e em especial no quadro de medidas de apoio social e de atenção aos mais carenciados.